IPQ
SPQ
Área de trabalho
(acesso reservado)

ORGANISMOS DE NORMALIZAÇÃO SETORIAL
 
Os Organismos de Normalização Setorial (ONS) são entidades com estatuto jurídico muito diversificado (público, privado ou misto), reconhecido pelo Organismo Nacional de Normalização (ONN) para exercer atividades num dado domínio de Normalização, no âmbito do Sistema Português da Qualidade (SPQ).
 
São vários os domínios abrangidos pelos ONS a nível nacional, desde ambiente, área alimentar, área ferroviária, brinquedos, calçado, cerâmica, cimentos, comunicações, construção naval, cortiça, edifícios, embalagens, equipamentos de elevação, fotografia, gestão da qualidade, higiene e segurança no trabalho, informação e documentação, manutenção industrial, máquinas, responsabilidade social e ética, segurança, serviços funerários, soldadura, tabaco, entre muitos outros.
 
Aos ONS cabe a partilha de uma missão de serviço público no âmbito da Normalização, proveniente do reconhecimento da respetiva qualificação pelo ONN.
 
Os ONS, para além da coordenação das Comissões Técnicas de Normalização (CT), têm atribuições de caráter geral, atribuições relativas à produção de documentos normativos, emitem pareceres, participam em reuniões europeias e internacionais, competindo-lhes ainda a elaboração do plano e relatório de atividades, do programa de Normalização (PN), bem como a divulgação das atividades normativas do seu setor.
 
 
  
ORGANISMOS GESTORES DE COMISSÃO TÉCNICA
 
Em 2010, o ONN estabeleceu a criação dos Organismos Gestores de Comissão Técnica (OGCT). Tal como os ONS, os OGCT são entidades com estatuto jurídico muito diversificado (público, privado ou misto), que manifestaram o interesse de desenvolver atividade de Normalização num determinado âmbito, ainda não abrangido por qualquer ONS, exercendo a função de dinamização desse âmbito normativo através de um secretariado de uma CT.
 
Aos OGCT cabe-lhe a partilha de uma missão de serviço público que advém do reconhecimento da respetiva qualificação para o efeito pelo ONN.
 
Tal como os ONS, os OGCT para além da coordenação da CT, têm atribuições de caráter geral, atribuições relativas à produção de documentos normativos, emitem pareceres, participam em reuniões europeias e internacionais, competindo-lhes ainda a elaboração do plano e relatório de atividades, do programa de Normalização (PN), bem como a divulgação das atividades normativas do seu setor.
 
 
CONTACTOS | FAQ | QUESTIONAR | Sugestões | Reclamações
  @ Serviços
   Loja Online
Atualização 2017-10-17 
Politica de privacidade  |  Responsabilidade (Disclaimer)  |  Contactos  |  Mapa
Conceção e Desenvolvimento: IPQ / Capgemini
   D
Compete QREN UE
Co-financiado pelo QREN